Cadastre-se | Login

Notícias

16/09/2011 - 22h52

Fight Show promete esquentar da Virada Esportiva de São Paulo


Considerada a “vitrine” da Virada Esportiva, a arena Fight Show promete esquentar a platéia da cidade de São Paulo.

Pesagem harmoniosa, lutadores dispostos a ensinar que a modalidade não é violenta e algumas surpresas marcaram a Pesagem e a Coletiva de Imprensa do palco do Fight Show, evento de MMA organizado para a Virada Esportiva de São Paulo neste fim de semana. Segundo o  organizador do evento de luta, Fernando Lopes, todas as regras serão parecidas com as do UFC, comum a única exceção de evitar golpes de cotovelo e ante braço no rosto. Cada lutador poderá levar apenas dois corners para a arena, sendo restritamente proibida a entrada de mais pessoas, exceto a imprensa. Os atletas deverão chegar às 20h30min e poderão contar com uma mesa especial com frutas, isotônicos, água e gelo para possíveis colisões.

Em entrevista especial para Olutador.com, Thiago Lobo, organizador geral de toda a Virada na cidade, o Palco de MMA terá uma grande responsabilidade muito grande por ser um dos mais esperados eventos. “O MMA será a vitrine do nosso e vento, devido ao aumento significativo de adeptos e público para a modalidade, iremos contar com muitas pessoas neste palco. Incalculável ainda neste momento” comentou. Quando questionado porque o ano passado teve 700 pontos espalhados pela cidade e este ano terá 1000 pontos, mais de 40%, Lobo foi específico. “Isso se deve ao interesse do público, ao aumento de patrocinadores e o interesse da mídia em divulgar incentivar o esporte no Brasil. Achávamos que 700 eram o máximo que poderíamos alcançar, mas vimos este ano que podemos crescer mais e mais”, finalizou.

A seletiva para a escolha dos lutadores foi feita por Fernando Lopes, que avaliou o histórico de cada inscrito e escolheu aqueles que não tinham antecedentes de violência em seu Cartel. Outro meio de seleção foi através do Facebook, muitas pessoas se inscreveram e o exemplo que a rede social deu certo foi à escolha da primeira luta com Kitner Moura (Ryan Grace) x Alexandre Rotundo (Ac. Octavio de Almeida). Os dois são estreantes no MMA e faixas-pretas de Jiu Jitsu.

A maior e mais esperada luta da noite será a última com Ivonildo “Cafu” Nunes (Werdini  Team) x Thiago Vella (Ryan Grace). A luta promete ser quente, já que Vella retorna ao MMA após 10 anos afastado e sua principal arma é a finalização de Jiu Jitsu e “Cafu” vem com um Cartel de 17 lutas, 14 vitórias e é especialista em nocautes. Dois grandes opostos no octógono do Anhangabaú.

Além da Coletiva de Imprensa, também ocorreu a Pesagem oficial, confira abaixo o card completo:

1 - Peso Pesado - Kitner  Moura (Ryan Gracie) 105,5Kg x Alexandre Rotundo (Ac. Octavio de Almeida) 97,3Kg

2 - Peso Meio Médio – Elias Silvério (Irmãos Cruz) 77Kg x Bruno (Beirute) Tavares (Bronx Gold Team) 75,5Kg

3 - Peso Meio Médio - Guilherme Sarafian (Pedra90/Clube do Boxe) 77,6Kg x Marcos Pereira (Gibi Thai)77,1Kg

4 - Peso Pena - André (Motoca) Pinheiro (Godoi JJ)63,35Kg x Gilvan Alves (Gibi Thai) 68Kg

5 - Peso Médio -Eleazar Muniz (Budokan MMA) 82,6Kg x Marcio Costa (Demian Maia)83,9Kg

6 - Peso Médio - Walter Roberto (Demian Maia) 84,6Kg x Holivan Vieira Jr. (Motta FC) 84,3

DESAFIO INTERNACIONAL

7 - Peso Leve - Rodrigo Ruiz (CheckMat) 73 Kg x Mauricio Ariel (ArgentinaTeam), não compareceu à Pesagem

SUPER LUTA

8 - Ivonildo (Cafú) Nunes (Werdini Team) 72,7 Kg x Thiago Vella (RyanGracie) 72,6 Kg
 

Texto: Anna Carolina da Ponte Ribeiro
Jornalista Esportiva
MTB: 63.268/SP

Foto: Divulgação